15.1.08

Dias à janela


foto de P. Bondackzuk
Os dias
despedem-se iguais
despem-se.
encobertos na noite
caída das brumas
das angústias de cada amante
que tarda.
O orvalho
assemelha-se a lágrimas
agarradas às janelas
quentes de dentro
do calor dos corpos
incendiados,
gelado de fora
do mundo atravessado
nas gargantas dos calados
dos mudos.
Os dias grandes são iguais
aos menores.
os dias são nossos
na voragem de tudo o que passa
e esquecemos por inteiro.
… E do que fica
e permanece agarrado aos olhos
e se entranha nas roupas
e nos cobre
todos os dias,
são as memórias
sábias
reservadas,
em momentos donos do tempo
curtos e breves,
guardados
como um beijo dado
junto ao entardecer,
prolongado no sabor -
- que guardo de ti
todos os dias.

7 comentários:

Vanda Paz disse...

Um poema muito bonito, muito teu...

Beijo

TurtleMoon disse...

"E do que fica" até ao final,é o excerto mais lindo desta poesia, onde o tempo e a memória batem poeticamente à nossa janela!
Qto à imagem do incenso,é claro q podes gravá-la para ti.(",)
Relativamente à tua presença no meu blog, agradeço-a mt, obrigada!
E elegi o teu blog porque adoro o que escreves!!!O desafio - "Diz que até não é um mau blog" foi-me feito pelo poeta João Filipe Ferreira e é para que nós façamos a eleição dos 7 blogs vip,os q + gostamos e em cada blog eleito,temos de lançar o nosso "voto" e pedir para q tb esses autores de blog q selecionámos façam a eleição.é uma brinacdeira...
bjs de luz e paz

Menina do Rio disse...

E da janela olhamos a passagem dos dias como um quadro de lembranças iluminado num breve espaço entre o cair da tarde e a bruma da noite...

Foi bom teres me achado; assim nos achamos...

Um beijo na tua alma

Anónimo disse...

Oi amigo, lindo os teus dias à janela. Os dias podem passar, mas, com certeza, ficam esses momentos bons impregnados na carne e na alma. E como é bom olhar e reviver tudo isso. Beijo-te e como foi bom voltar. Anne.

Mei & Chihiro disse...

Muito bonito, a respiração cola-se a nós e permite-nos proferir cada palavra como se fosse nossa.
Vou continuar a vir espreitar
;)

Kiss
Chihiro

Vera Carvalho disse...

Eu chamo-lhe o verso e o inverso dos dias!
Colo os olhos à janela e vejo que em cada gota há memórias que vivem.
Magnífico Jorge!
Um abraço.

TurtleMoon disse...

Olá JB, faço votos para q estejas bem!Qto à "brincadeira" dos 7 blogs vips,acho mesmo q é uma escolha pessoal mas agradeço a consideração.(",)bjs e boa inspiração poética!